Quinta-feira, 4 de Janeiro de 2007

Eu não presto!

Não sabiam?
Pois, eu sou mais um daqueles homens que vocês tão bem descrevem: só quer é ter sexo!
Sou assim, pois.

Mas serei igual aos outros no resultado? (não pensem que o que vou escrever aqui é verdadeiro: na net toda a gente é a melhor no sexo. Este texto é bluf!).

Eu traio a minha mulher todos os dias... em pensamento. Não aguento ver uma mulher e começo logo a tirar-lhe as medidas.
Não me babo, o que é feio de ver, mas observo-as como às estátuas gregas: a altivez do porte, cada parte do seu corpo.
Na verdade há quem procure o corpo perfeito na mulher. Eu não. Gosto de um não sei quê de mistério nas suas caras: o contorno do lábio, do olho, o olhar, a pose, os pés.
Geralmente observo os pés e as mãos, porque nos dão muita informação sobre a estrutura do corpo feminino: dizem-nos como são as pernas (altas/baixas ou esbeltas/gordas) e até nos indicam algo muito importante: como são as ancas! Não acreditam?. Pois, limitam-se a olhar logo para as nádegas.
E as mãos? Hemmmm.
E os ombros?

Mas se gosto de sexo (como brutamontes-homem que sou), não é para utilizar estas estátuas assim, no parque, no assento de trás...
É claro que uma rapidinha dá um tesão (a propósito, tesão não é masculino? Farto-me de ver «a tesão») e se for no meio da serra melhor.

Pois eu gosto mesmo é da cama. Um quarto fechado, onde não haverá interrupções.
Gosto de despir uma mulher, cobrir-lhe o corpo de carícias, beijos.
Ninguém sabe o gosto que dá, quando eu vejo uma mulher a contorcer-se de prazer ao ter um orgasmo. Elas contorcem-se, gemem, ficam para ali (se o orgasmo for em série. O em sequência não é tão forte). Agarro-as logo e recomeço. E o baile ainda é uma criança.

O que adoro é ver-lhes os fluidos todos a virem-lhes, exaurindo, a cada um deles, as poucas forças que lhes restam. O esgotamento feminino existe, elas têm um limite também, apenas é maior que o nosso.

No fim, limpem-lhe a saliva do queixo, pois é esse o vosso troféu: vocês esgotaram-na.
Parabéns, são HOMENS!
música: A Pipi das Meias Altas?!
publicado por oamante às 10:34

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Eu não presto!

.arquivos

. Agosto 2010

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds